Monarch_Butterfly_Cocoon_6708

Ser Pai e Mãe é Renascer, Diariamente

Esse texto já foi lido15786 vezes!

Ontem, deitado na grama, dentro de uma tenda de suor, dentro do ventre da mãe terra percebi que:

 

quando uma mulher engravida

mãe e pai  entram num casulo

se preparam para renascer

 

é uma oportunidade maravilhosa de morrer e renascer em vida. se transformar em mãe. se transformar em pai. dissolver as crenças e medos do passado.

é a possibilidade de nos reinventarmos,

não pra chegar numa outra forma, um pouco melhor

e sim para virarmos seres que vivem se reinventando, pra sempre

 

quando a filha nasce, nos apresenta o que é viver na potencia

ela faz isso a cada momento da sua vida

 

mas a potencia incomoda quem está preso buscando poder.

o poder não cola na potencia

e isso, pra nós, seres educados através do comando e do controle

é difícil de aguentar

 

então nós temos duas opções:

 

podemos esquecer que renascemos, esquecer que nos transformamos

e voltarmos a ser como éramos antes

com medo, ansiedade, criticando, comparando e julgando tudo a nossa volta, ressentidos.

vamos morrendo em vida

e aí, pouco a pouco, vamos esmagando a potência da nossa filha, pelo exemplo que damos de uma vida esmagada

 

ou podemos utilizar cada interação com ela para continuarmos esse processo de renascimento

não dá pra renascer em um dia, no dia do parto, pois ficamos 20, 30 ou 40 anos em processo de mortificação. Leva tempo. Paciência. Rigor. Leveza. Disciplina.

 

quando minha filha faz algo que me irrita

vem uma emoção

tento parar antes de agir a partir dessa emoção velha.

olho pra minha filha e me lembro que ela está segurando um espelho na minha cara.

afirmo o que está acontecendo no presente.

afirmo que o que estou vendo nela, o motivo da irritação que sinto, está em mim.

e afirmo isso. E afirmo, e afirmo, e afirmo. Até que isso se dilui.

e eu agradeço. Renasci um pouco mais.

2 respostas
  1. Anna Paula Isernhagen
    Anna Paula Isernhagen says:

    Marcelo e família, a cada texto mais lhes admiro… Em cada texto uma oportunidade de me reconhecer, de me achar em mim mesma, de ser mais total. Gratidão!

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *